Dicas para fazer a cerimônia de casamento no mesmo local da festa

Uma opção cada vez mais comum entre os casais é realizar a cerimônia e a festa do casamento no mesmo local. Esta é uma decisão comum para casais que não seguem nenhuma religião, mas não é restrita a este grupo.

Leia também:
Tipos de recepção e dicas para economizar
Livro de assinaturas de casamento


Um dos motivos que levam os noivos a optar por este tipo de casamento é a praticidade. Afinal, não há necessidade de desclocamento entre as duas fases, dispensando transtornos de trânsito, estacionamento e atrasos.

Outra vantagem é a economia, já que os noivos não precisam arcar com os custos de locação e decoração da igreja.

Existem duas formas de organizar esse tipo de casamento do ponto de vista da logística.

Uma é escolher um buffet com dois ambientes separados e realizar a cerimônia em um e a festa no outro. Neste caso, um dos ambientes é decorado como uma igreja, com nave, altar e assentos para os convidados, e o outro, com as mesas do jantar e a pista de dança.

Outra é fazer as duas coisas no mesmo ambiente. Os convidados assistem à cerimônia já sentados nas mesas e tanto a nave quanto o altar são desmontados na hora da festa.

Mas atenção na hora de escolher o local. Verifique se realmente há espaço suficiente para abrigadar todos os seus convidados. Não visite apenas o local vazio, veja como fica o espaço “montado” antes de fechar o contrato.

Deixar os convidados escolherem o lugar ou marcar os lugares?

Essa é uma dúvida que sempre surge durante a organização do casório. A vantagem da segunda opção é que ninguém precisa sair correndo para pegar um bom lugar na recepção, com medo de acabar em uma mesa cheia de pessoas que não conhece, como acontece freqüententemente quando os noivos optam por deixar a escolha dos lugares a cargo dos convidados.

Por outro lado, se os lugares forem marcados, os convidados também podem acabar tendo que sentar com pessoas que não escolheriam, e podem não curtir tanto a recepção. Isso sem falar nos lugares que ficarão vazios por conta dos convidados que faltarem.

Aqui vai uma ideia muito bacana pra solucionar o dilema.

Que tal reservar as mesas por grupos, e não os lugares individualmente? Cada mesa pode ter uma plaquinha escrito “reservado” e o nome de determinado grupo, como “primos” ou “turma da faculdade”, sendo que, para os grupos maiores, podem ser reservadas mais de uma mesa.

Assim, os convidados de um mesmo grupo conseguem se sentar juntos, mas fica à vontade para escolher os lugares à mesa. Uma solução simpática e prática.

 

Carregando...

YAHOO MULHER NO FACEBOOK

Siga o Yahoo Entretenimento