Preliminares

Intimidade: o que é isso, afinal?

Nada mais gostoso do que ter um melhor amigo para a vida! (Foto: Thinkstock)

Quando o assunto é intimidade não tem como não lembrar das relações que temos com nossos pais e irmãos. São essas as pessoas para as quais a gente fala tudo sem nem pensar duas vezes — e acaba magoando, sem querer, muitas vezes na vida.

Aí, quando levamos essa ideia para o relacionamento parece que esquecemos de tudo isso e passamos a acreditar que ser íntimo de alguém é se sentir à vontade quando se está pelada. Ei, calma, não é bem assim.

Estar pelada requer intimidade? Nem sempre! E quando requer, pode ser a coisa mais enganosa do mundo. Na verdade, estar nua emocionalmente é que requer que a pessoa seja como da família!

Existem diversos pontos que a gente pode olhar em um namoro para dizer se ele vai ter sucesso ou não. É claro que nem sempre dá certo, mas uma coisa que nunca vi ser ignorada é a intimidade. Sim, existem casais que parecem totais estranhos e vivem sob o mesmo teto por séculos; mas pergunte se os dois são felizes...

Quando você não se sente à vontade para dividir seus sonhos, medos e desejos com a pessoa com quem escolheu compartilhar a vida, tem algo errado, não tem? Se você escolheu compartilhar a vida isso inclui tudo, desde as coisas boas e prazerosas até o choro sem motivo. E não, isso não é área para as amigas.

Namoro não é só para diversão: converse com o seu parceiro sobre assuntos sérios também, ele vai adorar poder opinar! …

Um namorado, marido ou alma gêmea deve ser, antes de mais nada, seu melhor amigo. Imagina só que coisa horrível guardar suas opiniões e pensamentos em segredo pela vida toda? Como é bom poder falar abertamente sobre qualquer assunto e saber que a outra pessoa vai respeitar o que você tem a dizer!

Muitas mulheres caem no papo de que homem não tem paciência para ouvir esse tipo de coisa, mas não é bem assim. Homens não têm muito saco para blablablá que parece não ter fim, mas conversar sobre as coisas e pensar juntos em saídas é algo que eles fazem muito bem.

Sexo é só uma parte da intimidade que o casal deve ter pára ser feliz (Foto: Thinkstock)

Você merece alguém que te escute, que divida com você tudo o que pensa e que, de vez em quando, por causa da intimidade, seja sincero demais, direto demais e a deixe meio zonza com aquilo que você tinha certeza que precisava ouvir.

Amar é muito mais do que ser fofo, fazer voz de bebê (se é isso que você curte, claro) ou ter o melhor sexo do mundo. Essas coisas não são nada sem a tal intimidade.

Você tem alguma dúvida sobre sexo? Manda pra mim no preliminarescomcarol@yahoo.com.br e siga-me no Twitter (@carolpatrocinio).

Sobre Carol Patrocínio

Jornalista, passou por revistas impressas e pelos maiores portais do país. O interesse por escrever sobre sexo, comportamento e relações surgiu ao notar que essas informações poderiam melhorar a autoestima das mulheres e a percepção de si mesmas. Acredita que, muito mais do que prazer, sexo é autoconhecimento. Carol escreve no Preliminares desde dezembro de 2011.

 

Siga o Yahoo Entretenimento