Como acabar com pelos em orelha e nariz

Livre-se dos pelos nas orelhas. (Foto: iStock)Normalmente, com a idade, homens acabam sofrendo com um problema muito comum: o crescimento de pelos em lugares indesejados, como nariz e orelhas. É uma característica da qual as mulheres, felizmente, estão livres: é hereditária, e encontra-se no cromossomo Y, segundo os especialistas. O fenômeno tem até nome científico: hipertricose (crescimento excessivo de pelos) nasal ou auricular.

"Esse crescimento é determinado geneticamente e não acontece necessariamente em todas as pessoas que envelhecem", explica a dermatologista Mônica Felici, da Clínica Splendore, de Campinas (SP). E esses pelos, que não podem ser arrancados completamente, servem uma função de proteção dessas membranas, esclarece a especialista.

Como as áreas são sensíveis, e precisam de bastante cuidado na hora de aparar os pelos, o mais recomendado é recorrer às tesourinhas, do tipo usado para cortar unhas, ou às pequenas máquinas elétricas — próprias para isso, elas têm ponteiras que se encaixam nas narinas ou nas orelhas. "Dependendo do tamanho não é possível usar, pois são regiões com orifícios pequenos", explica a médica.

Tão importante quanto não arrancar todos os pelos é cuidar da higiene, tanto dos aparelhos quanto pessoal. "Primeiramente, lave bem a região antes; depois de aparar os pelos, higienize a área e os aparelhos com sabonetes antissépticos que contenham triclisan", recomenda Mônica. Tome muito cuidado para não se cortar com a lâmina, o que pode causar uma infecção.

Não há contraindicação de tempo para aparar os pelos. Por isso, é possível fazer uso do aparelho conforme o crescimento dos pelos, que varia de pessoa para pessoa. A regra básica é mesmo apará-los no momento em que passarem a incomodar.

Tudo sobre depilação No Facebook

Enquete Yahoo!
Carregando...
Opções de escolha da enquete