Posts do blog de Laura Folgueira

  • Os perigos que brinquedos inadequados oferecem ao seu filho

    Saiba quais brinquedos podem ser potencialmente perigosos e tome precauções para manter as crianças sempre seguras

    Nada melhor do que deixar os filhos brincando em um canto da casa, rodeados por todos os seus brinquedos, certo? Errado. Brinquedos infantis, de todos os tipos, podem causar acidentes cotidianos, especialmente perigosos quando as crianças se encontram longe de um adulto.

    Alguns cuidados básicos podem garantir a segurança da brincadeira. “Supervisão é um fator importante para manter as crianças protegidas de acidentes com brinquedos”, explica Lia Gonsales, coordenadora de mobilização da ONG Criança Segura. “O envolvimento do responsável na brincadeira, ao invés da observação à distância, permite um cuidado ainda maior”, diz.

    O outro lado dessa preocupação com segurança é a seleção dos brinquedos na hora de comprar: é preciso sempre considerar a idade, o interesse e o nível de habilidade da criança, além de seguir as recomendações do fabricante quanto a idade. Por fim, procure por brinquedos com selo do Inmetro.

    Seguir as recomendações da caixa do brinquedo, porém, não é tudo. É preciso

    Saiba mais »de Os perigos que brinquedos inadequados oferecem ao seu filho
  • Férias seguras: entretenha seus filhos dentro de casa

    Nem sempre é possível fazer passeios externos com as crianças durante todos os dias nas férias. Veja maneiras divertidas de entreter seus filhos sem que a ociosidade deles vire um problema.

    Férias de crianças muitas vezes acabam significando dor de cabeça para pais que trabalham. A grande dúvida durante esses meses, para quem não pode viajar, é: como manter os pequenos entretidos dentro de casa?

    “As crianças têm muita energia e precisam descarregá-la no dia a dia com muitas atividades”, explica a psicóloga Olga Tessari. “Entretê-las nas férias faz com que não fiquem irritadas, ansiosas, chorosas, e evita que acabem brigando. Além disso, colabora para que tenham boas lembranças de sua infância no futuro”, completa a especialista.

    Quando não é possível sair com as crianças, há opções educativas para se realizar dentro de casa – que não precisam de muito espaço. Quando quiser que eles relaxem, escolha um filme ou desenho que elas adorem, para que possam assistir algumas vezes, e estimule também a leitura de livros próprios para cada idade.

    Além disso, segundo a psicóloga, boa opção são atividades de que toda a família possa participar: jogos de tabuleiro, pingue-pongue, jogos

    Saiba mais »de Férias seguras: entretenha seus filhos dentro de casa
  • Estimule crianças difíceis a comer saudavelmente

    Pais de crianças que não comem frutas e vegetais sabem como é difícil estimular os pequenos a ter uma alimentação saudável no dia a dia. Superar esse problema envolve algumas estratégias criativas, mas, principalmente, mudanças de hábito por parte da família toda, e não apenas das crianças.

    Leia também:
    Controle à distância
    Leve seu filho ao hortifruti!


    Segundo a nutricionista infantil Susy Graffe, responsável pelo programa de educação alimentar infantil Nutrikids, o problema não é normal para todas as crianças, como se costuma pensar, e acontece em geral por causa dos hábitos dos pais.

    “Geralmente os pais não têm hábito de comer saudavelmente em casa, e às vezes eles não comem e compram só para a criança”, explica. “A questão é ter isso como comida diária, começando desde bebezinho. Lógico que é mais gostoso comer macarrão, bife e salsicha, mas é preciso colocar frutas e vegetais e fazer disso o hábito normal da família.”

    Para as crianças, a quantidade recomendada de frutas e vegetais por

    Saiba mais »de Estimule crianças difíceis a comer saudavelmente
  • Saiba lidar com a briga entre os filhos

    Quem já viu os filhos gritando um com o outro ou até mesmo se batendo sabe o nervosismo que dá nessa hora. Será que é normal? Como fazê-los parar? Como acabar com os motivos para brigas? São questões difíceis, mas importantes: entender por que os filhos brigam é um passo importante para conseguir pacificar a casa – na medida do possível!

    “As brigas entre irmãos acontecem em qualquer lugar ou situação, e podem ser motivadas por uma briga por espaço, por diferenças de opinião ou mesmo de personalidade”, explica a psicóloga e psicoterapeuta Olga Tessari. Ter que dividir brinquedos ou o tempo no computador são exemplos cotidianos. Essas são as brigas mais comuns, sobre as quais em geral não há muito a se fazer.

    Mas é preciso prestar atenção, já que também é comum acontecerem brigas para chamar a atenção dos pais. “Muitas vezes eles protegem mais um irmão em detrimento do outro, gerando raiva, o que leva a mais brigas!”, diz a especialista, e completa: “Se um dos irmãos sente que o outro tem

    Saiba mais »de Saiba lidar com a briga entre os filhos
  • Repelentes sonoros: será que funcionam?

    Entenda quais as alegações dos novos apps que prometem repelir mosquitos e saiba como proteger de fato sua família.

    Entenda como funcionam os repelentes sonoros

    Nos últimos tempos o mercado tem visto o surgimento dos chamados repelentes eletrônicos ou sonoros. As últimas versões podem ser convenientemente baixadas no celular, em aplicativos como Mosquito Repelente e Anti Mosquito – Sonic Repeller. Além das versões para celular há ainda outras disponíveis para download em computador, CDs e relógios de pulso repelentes.

    Todos eles funcionam da mesma forma: ao produzir um som de alta frequência (ultrassom), garantem manter os mosquitos longe, já que esses animais achariam o som desagradável. A ideia é que, com o aplicativo próximo a você, os mosquitos não se aproximariam.

    Segundo o Prof. Dr. Carlos Fernando S. Andrade, do Departamento de Biologia Animal da Unicamp, que estudou longamente o assunto, as alegações costumam variar entre três tipos: que o som produzido reproduz o dos machos e portanto repele as fêmeas que já estão

    Saiba mais »de Repelentes sonoros: será que funcionam?
  • Os perigos das migalhas para atrair insetos

    Evitar alguns hábitos pode ajudar a manter bichos indesejáveis longe de sua casa

    Pequenas, as migalhas podem fazer um grande estrago

    Dentro de casa, o uso de inseticidas e repelentes ajuda a combater o aparecimento de insetos, mas a presença de algumas espécies deles pode ser evitada de forma ainda mais simples: com a mudança de alguns hábitos cotidianos. O principal deles está ligado às migalhas que espalhamos pela casa ao comer em locais diversos. Comer na cama e no sofá, por exemplo, é um hábito a ser extirpado. Também é preciso evita deixar comida exposta em vasilhas para animais de estimação.

    Entre os insetos que podem ser atraídos pelas migalhas e restos que deixamos estão principalmente as baratas e moscas, que são atraídas para o interior de apartamentos e casas por restos de comida deixados tanto por humanos quanto por animais domésticos.

    “Baratas e moscas possuem um sistema olfativo muito eficiente, e são capazes de detectar o cheiro desses alimentos”, explica o entomologista Sergio Antonio Vanin, do Instituto de Biociências

    Saiba mais »de Os perigos das migalhas para atrair insetos
  • Proteja sua família da dengue

    Saiba quais são as dicas mais importantes para evitar criadouros – e o que fazer em casos de suspeita da doença

    Dengue causa febre e mal-estar.

    Com a chegada do verão chega também uma preocupação extra para a saúde das famílias: a dengue. Isso porque durante essa época o mosquito Aedes aegypiti se prolifera mais, segundo o infectologista Stefan Cunha Ujvari, autor dos livros A história e suas epidemias e A história da humanidade contada pelos vírus, entre outros.

    “Os ovos eclodem na presença de água, portanto há mais mosquitos durante as chuvas típicas do verão”, explica. “Além disso, os mosquitos preferem o calor para reprodução.” Isso não quer dizer, claro, que eles não se proliferam em outras épocas do ano – mas em verões quentes e chuvosos é preciso tomar especial cuidado.

    Ao contrário do que acontece no caso de outros mosquitos, o mosquito da dengue é típico de áreas urbanas, e não de matas; mesmo assim, casas em áreas rurais, fora do perímetro urbano, também podem ser foco da proliferação da espécie.

    O cuidado

    Saiba mais »de Proteja sua família da dengue
  • Clima que atrai insetos

    Em determinados climas e períodos do dia, os insetos podem atacar com mais intensidade. Entenda por que isso acontece

    Saiba em quais momentos proteger sua família

    Quem já passou por uma chuva ou foi acampar em locais de clima quente e úmido sabe: há temperaturas e períodos do dia em que os insetos aparecem em bando e com mais força – e haja repelente para proteger-se deles nesses momentos! Também é comum que em cidades litorâneas, por exemplo, haja mais desses bichinhos do que em cidades mais frias, incomodando os visitantes.

    Isso acontece, segundo Sergio Vanin, entomologista do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo (USP), porque a umidade e a temperatura alta facilitam a proliferação dos insetos, em geral. Isso explica a prevalência de mosquitos tanto em locais mais úmidos e quentes quanto em determinadas épocas do ano.

    “No sudeste e sul do Brasil, as chuvas são mais frequentes do fim da primavera ao verão, o que coincide com o aumento da temperatura. Por isso os insetos são mais abundantes nessa época do ano”,

    Saiba mais »de Clima que atrai insetos
  • Proteja sua família dos ácaros

    Eles não são insetos, mas podem ser vilões para a saúde da família. Saiba que cuidados tomar para evitar essa praga
    Saiba como proteger sua família

    Diferentemente dos insetos, que tanto podem perturbar a paz de uma casa, os ácaros são pragas quase invisíveis – e, justamente por isso, perigosos, já que é possível nem saber de sua presença até que comecem a causar males para a saúde dos membros das famílias. Mas, se é difícil acabar com eles, é possível estabelecer alguns cuidados dentro de casa para diminuir sua quantidade e evitar o aparecimento desses bichinhos.

    Os ácaros são animais microscópicos, da família dos aracnídeos (a mesma, por exemplo, que inclui aranhas e carrapatos). Segundo Clóvis Eduardo Galvão, diretor da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia (regional São Paulo), eles são encontrados com facilidade no Brasil por se desenvolverem melhor em ambientes quentes e úmidos. “Os principais problemas causados por eles são as alergias respiratórias, como rinite alérgica e asma”, explica Clóvis, que

    Saiba mais »de Proteja sua família dos ácaros
  • Alimentos que repelem de forma natural

    Castanha do Pará é aliada contra insetos. (Foto: iStock)Conheça o poder das comidas que podem ajudar a proteger a pele de sua família dos mosquitos da forma mais natural possível

    Há quem seja alérgico a repelentes vendidos em farmácia, e há quem simplesmente não deseje usá-los e prefira acabar com o problema dos mosquitos de forma mais natural. Não há problema: se planejando com antecedência, é possível garantir para toda a família uma pele livre de picadas no verão, e sem usar produtos químicos.

    Segundo Fábio Bicalho, nutricionista clínico e funcional e supervisor em segurança de alimentos pelo Instituto de Hospitalidade, no Rio de Janeiro, há alimentos que, se incluídos frequentemente na dieta da família, podem funcionar como repelentes naturais para mosquitos e outros insetos.

    “Alimentos ricos em vitaminas do complexo B, em especial B1, podem evitar mordidas de inseto”, diz o nutricionista. Entre as comidas mais recomendadas pelo especialista estão os vegetais verde-escuros, o arroz integral, a castanha do Pará, os ovos e os cereais

    Saiba mais »de Alimentos que repelem de forma natural

Paginação

(18 artigos)