• Os oito papéis de uma mãe

    Cúmplice nas brincadeiras: papel que as mulheres gostariam de exercer mais com os filhos

    Uma pesquisa feita pela Saatchi& Saatchi, agência de branding e publicidade, ouviu milhares de pais ingleses para compor um retrato da maternidade e paternidade contemporâneas. Resultado rápido: as mães gostariam de passar mais tempo fazendo coisas divertidas com os filhos. Resultado detalhado: existem oito “papéis” desempenhados por mães e pais na criação dos filhos. A pesquisa analisou a importância dada pelos pais a cada função e o tempo gasto nelas. Os papéis identificados pela Saatchi são:

    1) Cuidador: considerado por 98% dos entrevistados como  “uma função muito importante”.

    2) Organizador: fornecer o ambiente mais estruturado e seguro é considerado por quase todos os entrevistados como uma função “muito importante”

    3) Coach: orientar os filhos é muito importante para 57% dos entrevistados.

    4) Fã:  valorizar e acompanhar as conquistas dos filhos. Menos da metade consideraram a função como “muito

    Saiba mais »de Os oito papéis de uma mãe
  • Oito piores motivos para continuar sendo amiga do seu ex

    Fonte: Think Stock
    Seu ex é seu ex por um motivo. Mas ele ou ela também foi uma parte importante da sua vida por um tempo significativo, e é compreensível que você queira manter o relacionamento até certa medida. Até dá pra você ficar amiga do seu ex depois do fim, mas estudos sugerem que os exes tendem a ter amizades de baixa qualidade – em relação a amigos do sexo oposto que nunca se envolveram romanticamente. Eles são menos favoráveis emocionalmente, menos altruístas e confiantes, portanto menos preocupados com a felicidade da outra pessoa. A probabilidade de que uma amizade com um ex será positiva em vez de uma experiência dolorosa depende, em parte, das suas motivações, incluindo aquelas que você não comunica abertamente. Veja a seguir 8 razões que pode te colocar em apuros, segundo a Psychology Today.

    8. Vocês têm os mesmos amigos
    Se os seus amigos e familiares querem que você seja amiga de um ex, é mais provável que você mantenha algum laço, sugerem pesquisas. Mas isso não significa que você

    Saiba mais »de Oito piores motivos para continuar sendo amiga do seu ex
  • Cinco coisas que fazem eles se sentirem culpados

    Fonte: Think Stock
    É um enigma impressionante! Os homens até percebem quando não compram mais flores pra a namorada ou a levam ao cinema. Mas assim que saem para trabalhar ou, principalmente, para curtir umas férias com os amigos, eles se esquecem completamente disso. Pois é, o cara realmente só vai lamentar e se sentir mal quando parece que já é tarde demais.

    Talvez seja uma coisa que as mulheres não ouçam muito, mas os homens também se sentem mal em relação a algumas coisas. Pode parecer que não, mas sentimos. Prova disso são as cinco coisas que os fazem se sentir culpados que a Marie Claire reuniu. Eu tive que concordar! Descubra a seguir as causas mais comuns.

    1. Quando são hipercríticos
    Homens costumam criticar as dietas e exercícios habituais que as mulheres praticam, mas depois se arrependem. É batata. Seja uma ressalva sobre o equilíbrio entre academia e vida social, roupas apertadas ou o seu corpo, ele eventualmente vai se sentir culpado porque provavelmente sabe que o comentário vai ficar

    Saiba mais »de Cinco coisas que fazem eles se sentirem culpados
  • Ter um closet grande e organizado é o sonho de muita gente. Mas montar esse ambiente nem sempre é tarefa fácil, pelo espaço disponível e pelo tipo de roupas que cada um tem. 

    Quem trabalha com roupas sociais precisa de um espaço para ternos e vestidos. Já quem tem um perfil mais casual, pode apostar em diversos nichos para acomodar blusas, camisetas e calças jeans. Como pensar nesse closet?

    image

    Foto: House Beautiful

    Para os estilosos: que tem roupas muito coloridas e que não amassam facilmente, podem escolher armários com prateleiras e uma parte menor para os cabides. Use os tons das peças para organizar e crie uma composição visual. Se for preciso, acrescente algumas caixas para guardar itens menores.

    image

    Foto: House Beautiful

    Para os mais formais: profissionais que precisam se vestir mais formalmente devem ter um modelo de armário com mais cabides e menos prateleiras, isso evitará que as roupas amassem. Também deixe espaço entre os cabides, caso contrário as camisas e vestidos ficarão amassados

    Saiba mais »de Dicas para montar um closet com o seu perfil
  • Foto: ThinkstockFoto: Thinkstock

    Eu e meu marido trabalhamos em TV, por isso é muito normal nossas filhas escutarem coisas do tipo..."vocês também vão trabalhar na TV quando crescerem?". Quando isso acontece eu dou risada, desconverso. Elas são pequenas, por isso também não dão muita bola pro assunto. Mas o fato é que muita gente quer que os filhos sigam sua profissão, fazem de tudo pra isso acontecer, mesmo quando é evidente que a criança não gosta da área. Pior: tem gente que quer que o filho seja o que ele não foi! Não sei o que é pior!

    Dia desses fui assistir a um desfile infantil. Nos bastidores uma menininha de cinco anos chorava porque não queria entrar na passarela. Enquanto isso a mãe estava sentada em meio ao público e parecia bem feliz porque, segundo ela, a filha tinha "tudo pra ser uma modelo". Muito bem, o resultado disso é que a menina bateu o pé e não desfilou. E a mãe voltou pra casa frustrada. De quem é a culpa?

    Nós, pais, queremos muitas coisas pros nossos filhos e isso é super normal e saudável.

    Saiba mais »de O que seu filho vai ser quando crescer?
  • Luiza coloca todo o seu amor no chocolate. Desde muito pequena, desde o fatídico dia em que mergulhou de cabeça no seu próprio bolo de aniversário, ela recorre aos préstimos do cacau.

    Na verdade, seu primeiro amigo imaginário foi uma barra de chocolate. Uma barra pequena que guardava embaixo do travesseiro e para quem confessou suas primeiras paixões e aventuras de criança.

    Certa noite de verão, gritou desesperada ao perceber que o seu amigo  escorria derretido pelo branco do lençol. Seus pais acordaram assustados e imaginaram coisas muito piores - antes de perceberem de que se tratava apenas de chocolate.

    Mas não era apenas chocolate. Era o centro da vida de Luiza. No começo, o vício era estimulado pela família - que não cansava de presenteá-la com doces. Na lancheira da escola, suco de laranja, mistinho e, invariavelmente, uma sobremesa - que sempre foi chocolate.

    Não, não, não julguem os pais de Luiza. Isso foi lá em meados dos anos 80, uma década estranha e  maravilhosa, um tempo em

    Saiba mais »de Todo amor ao chocolate (um conto de Páscoa)
  • Estou apaixonada por um babaca, e agora?

    Acontece com as melhores pessoas: você conhece alguém, se apaixona e quando vocês estão juntos tudo é incrível até que vocês começam a conviver mais com outras pessoas, grupos de amigos e a pessoa se mostra uma verdadeira babaca. As opiniões são ofensivas, a pessoa é grossa com os outros e se acha superior ao mundo. Você se choca mas não sabe bem como se sentir com essa descoberta. Se identificou?

    Mulheres se interessam mais por homens com carro?

    Eu mesma já passei por isso. Você olha para a pessoa e não reconhece aquela companhia que te diverte e conversa sobre todo tipo de assunto com você. Pode ser uma máscara social, mas também pode ser que essa pessoa só estivesse concordando com o que você pensava para te manter por perto. E agora?

    Faça testes
    Dê tempo para processar as novas informações, mas depois disso é interessante fazer um teste e ir vendo se a pessoa muda fácil de opinião de acordo com o grupo em que está. Pode ser apenas um caso de maria vai com as outras.

    Homem tem

    Saiba mais »de Estou apaixonada por um babaca, e agora?
  • Simone Berti, presidente do Instituto Chefs Especiais

    Em 2013, quando foi entrevistada como candidata a uma bolsa da Ashoka, organização internacional que apoia empreendedores sociais, a jornalista e advogada paulistana Simone Berti fez tudo errado. Foi arrogante, disse que não precisava de ajuda e esnobou o entrevistador. “Estava péssima, de TPM”, ri ela. “Não sei como me suportaram.” Apesar de ter dito, irritadamente, que iria continuar empreendendo mesmo sem o apoio de ninguém, Simone passou no teste e virou uma fellow Ashoka. Com isso, ganhou uma bolsa da empresa Boeringher que garantiu, nos dois anos seguintes, que ela pudesse largar seu trabalho “comercial”, como consultora, para se dedicar apenas ao seu trabalho social, o projeto Chefs Especiais, que inclui pessoas com Down pela gastronomia.

    O projeto Chefs Especiais surgiu em 2006 quando Simone e seu marido, o também advogado Marcio, começaram a pesquisar populações que estivessem marginalizadas. O objetivo do casal era ajudar

    Saiba mais »de O que você pode fazer pela sua comunidade: inspire-se na Simone
  • A Páscoa e as criançasA Páscoa e as crianças


    Poucas datas são tão esperadas pela molecada quanto a Páscoa. Minhas filhas mesmo perguntam se o coelhinho já está chegando há uns dois meses! Como é gostoso ser criança! Ficar na expectativa de ganhar os ovos de chocolate, de se lambuzar de tanto comer! E isso tudo sem se preocupar se engorda, se vai fazer mal, se os preços dos ovos estão "pela hora da morte"!

    Pois é, mas essa parte chata fica pra nós, adultos! Mas, mesmo chata, é importantíssima! Segundo o pediatra e nutrólogo do Centro de Dificuldades Alimentares do Instituto PENSI (Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil) do Hospital Infantil Sabará, não é saudável deixar a criança comer muito chocolate de uma vez. O exagero pode provocar vômitos, dores de barriga e diarréia nos pequenos. “A dica é deixar a criança tirar o papel, achar o brinquedo ou os bombons que estão como recheio e, depois disso, pegar uma vasilha e, com a ajuda do pequeno, quebrar o ovo em vários pedacinhos e combinar que ele vai comer um pouco por dia. Desta forma

    Saiba mais »de Páscoa e as crianças
  • image

    A Páscoa está chegando, que tal preparar um belo bacalhau no almoço? Mas na hora de comprar, você sabe realmente identificar um bacalhau de boa qualidade?

    Segundo José Carlos Santanita, chef e diretor da WineSenses, o melhor bacalhau é o da Noruega. Procure pelo tipos: Cod GadusMorhua, Ling, Saithe e Zarbo. Mas atenção! Existem vários bacalhau falsos por ai. O legítimo bacalhau é largo e permite o corte em lombos. O rabo do peixe deve ser quase reto ou ligeiramente curvado para dentro, de cor uniforme e coloração “palha”. Se tiver uma espécie de “bordado” branco na extremidade ou se é branquinho demais não é o legítimo bacalhau. “Outra forma de identificar é puxando a pele do bacalhau, que solta com facilidade. E ele não pode ter manchas escuras ou pretas, pois significa que não foi bem preparado”, explica José.

    image

    E como identificar se o bacalhau está bem conservado? “Para verificar isso, agarre o bacalhau firmemente pela cabeça e solte a cauda. Se ele ficar reto, ou quase reto, está bem

    Saiba mais »de Bacalhau – Aprenda como identificar, dessalgar e preparar
Carregando...

Paginação

(1.000 artigos)

Siga o Yahoo Entretenimento